'A Máscara'. Empresa que desenha máscaras é portuguesa e já faz sucesso lá fora

A empresa que desenha as máscaras do programa da SIC é portuguesa e o seu sucesso já levou a que fossem contratados pela produtora do programa em Espanha.

'A Máscara'. Empresa que desenha máscaras é portuguesa e já faz sucesso lá fora

O programa 'A Máscara' tem sido um sucesso, como sempre foi, nas várias temporadas que soma. O motivo para isso, são, os famosos que estão bem escondidos, e que brilham, em cada emissão, deixando a surpresa no ar. Estes esconderijos não seriam possíveis, sem as máscaras que são apresentadas.

Na edição de 2024, existe: um bróculo, um camelo, um carrossel, uma serpente, um urso, um cavalo-marinho, um burro, um flamingo, um dragão, um castor, uma bola de espelhos e um caracol.

Por detrás destas máscaras, está um trabalho arrojado e complexo de vários meses. Segundo a revista TV7 Dias, os disfarces são feitos na empresa Linha Limão. A máscara mais pesada é o carrossel. "Embora a máscara mais pesada seja o carrossel, o peso não é suportado pelo artista, mas sim por rodízios assentes no chão, que suportam toda a estrutura", conta Susana Campanhã.

Tudo isto leva alguns meses de trabalho. "Não conseguimos dar uma média de tempo real por cada máscara, pois tivemos que coordenar três meses de produção para os doze. A que demorou um pouco mais foi o Carrossel derivado à variedade de pormenores", afirma Susana. "Existe inicialmente uma escolha de máscaras por parte dos nossos clientes", conta. Neste caso, a empresa trabalha no processo criativo com a produtora Fremantle.

O sucesso dos trabalhos realizado pela Linha Limão levaram a que a produtora Fremantle Espanha contratasse os seus serviços para o programa 'Mask Singer: adivina quién canta'.